Marca do CRQ para impressão
Disponível em <https://crqsp.org.br/premio-talentos-cfq-vencedores-de-sao-paulo-recebem-certificados-de-mencao-honrosa/>.
Acesso em 23/05/2024 às 05h48.

Prêmio Talentos CFQ: vencedores de São Paulo recebem certificados de menção honrosa

Prêmio Talentos CFQ: vencedores de São Paulo recebem certificados de menção honrosa

A entrega foi realizada na sede do CRQ-IV/SP

1 de agosto de 2023, às 17h29 - Tempo de leitura aproximado: 4 minutos

Da esquerda para a direita: Celso Lena, Odair Manhani e Vivian Parron, representantes da Eaton Ltda.; o presidente do Conselho, Hans Viertler; e os docentes Regiani Sandrini e Klauss Engelmann


Foi realizada hoje, 1, na sede do CRQ-IV/SP, a entrega dos certificados de menção honrosa a três ganhadores, todos de São Paulo, do Prêmio Talentos CFQ 2023. A cerimônia oficial de premiação aconteceu no dia 22 de junho, em Brasília, mas parte dos homenageados não pôde comparecer. Iniciativa do Conselho Federal de Química (CFQ), o concurso selecionou nesta edição profissionais e empresas que se destacaram no quesito “Qualidade na área da Química”. 

Na categoria Empresas da Área Química, a Eaton Ltda, da cidade de Valinhos, ficou em 3º lugar no concurso. A empresa atua com tecnologia de gerenciamento de energia em mais de 175 países. No Brasil, além da unidade de Valinhos, o grupo está presente em outros dois municípios paulistas – São José dos Campos e Mogi Mirim – e em Caxias do Sul (RS). Essas unidades se destinam a fabricação de transmissões e embreagens para veículos de médio e grande porte, englobando diversos processos relacionados à atividade química, como tratamento de superfícies, torre de resfriamento e tratamento de efluentes.

A Engenheira Ambiental Vivian Galbiatti Lopes Parron, Responsável Técnica pelos processos químicos da planta de Valinhos, foi quem inscreveu a empresa no concurso. “A participação no Prêmio Talentos CFQ foi uma excelente oportunidade para compartilhar iniciativas com o mercado, reconhecer nosso time, que está sempre empenhado na busca de melhorias contínuas, e também contribuir para inspirar outras empresas a construir um mundo melhor”, ressaltou. Na cerimônia, Vivian esteve acompanhada dos colegas de empresa Odair Manhani, que ocupa o cargo de especialista HSE e Engenharia Geral, e Celso Lena, Engenheiro Eletricista.

Também recebeu seu certificado Regiani Maria Leopoldina Martins Sandrini, da capital, classificada em 2º lugar na categoria Engenharia Química. Regiani, que é docente na Universidade Paulista (Unip), foi atraída pelo tema “Qualidade” e pela possibilidade de ter o seu trabalho reconhecido em âmbito nacional.

“Eu não imaginava que poderia ser uma das vencedoras do prêmio. Quando vi que o meu trabalho havia sido selecionado, entre tantos outros, foi motivo de muita emoção e orgulho, mesmo antes da premiação final. (…) O Prêmio Talentos é de certa maneira a valorização do meu trabalho como professora, dedicado ao ensino da Química. Que seja inspiração e incentivo para os meus alunos, alunas e colegas de profissão. É a certeza de que temos condições de desenvolver pesquisa com qualidade”, disse. 

O profissional Klauss Engelmann, também da capital, ficou em 3º lugar na categoria Bacharel/Licenciatura em Química. Segundo ele, a ideia foi apresentar o projeto de implementação do Selo de Qualidade CRQ-IV/SP na Etec Irmã Agostina, onde atua como docente, mostrando como a qualidade pode ser aplicada na gestão de Laboratórios de Ensino e no aprimoramento pedagógico dos cursos da área química.

“É muito comum associar o tema Qualidade primordialmente ao contexto industrial. O ensino e a pesquisa ainda se utilizam pouco dessas ferramentas e por isso achei que seria interessante mostrar o processo de implementação de um sistema de qualidade dentro de uma unidade de ensino”, contou. “Fiquei imensamente grato pelo reconhecimento e feliz pelo entendimento do Conselho Federal de Química da importância do trabalho de base na educação profissionalizante, fundamental na formação dos profissionais da Química. O prêmio é um grande incentivo para melhorar e aprimorar minha atuação como docente”, concluiu Engelmann.

Também foram agraciados com o Prêmio Talentos CFQ a profissional Natália Gonçalves, de Indaiatuba, que ficou em 2º lugar na categoria Bacharel/Licenciatura em Química, e a Febru Participações, de Campinas, que ficou em 1º lugar na categoria Empresas da Área Química. Natália e representantes da  Febru compareceram a cerimônia realizada em Brasília, onde receberam os seus certificados.

Clique aqui para conferir os vencedores em todas as categorias.

Posse A entrega dos certificados do Prêmio Talentos CFQ  precedeu a seção do Plenário do Conselho que empossou Hans Viertler para mais um mandato na presidência da entidade por um período de três anos. Também foram empossados 1/3 dos conselheiros, reeleitos em junho, e eleita a diretoria, composta por Nelson Bonetto (vice-presidente), Lauro Pereira Dias (1º Secretário), David Carlos Minatelli (2º Secretário), Reynaldo Arbue Pini (1º Tesoureiro) e Claudio Di Vitta (2º Tesoureiro). A diretoria tem mandato de um ano.

 

Da esquerda para a direita, Reynaldo Arbue Pini, Claudio Di Vitta, Nelson Bonetto, Hans Viertler, Lauro Pereira Dias e David Carlos Minatelli
Compartilhar