Marca do CRQ para impressão
Disponível em <https://crqsp.org.br/vencedor-do-premio-lavoisier-compartilha-historia-de-superacao/>.
Acesso em 23/05/2024 às 07h13.

Vencedor do Prêmio Lavoisier compartilha história de superação

Vencedor do Prêmio Lavoisier compartilha história de superação

Formando do Ceprovi mostra que nunca é tarde para retomar os estudos

18 de setembro de 2023, às 15h33 - Tempo de leitura aproximado: 2 minutos

Romildo e família

Romildo Martins de Souza, morador do município de Louveira, São Paulo, é um exemplo inspirador de que nunca é tarde para investir nos estudos e buscar um futuro melhor, independentemente da idade. Por mais de duas décadas ele esteve afastado das salas de aula, desde a conclusão do Ensino Médio em 2001. Aos 39 anos, Romildo acaba de ser agraciado pelo Conselho com o Prêmio Lavoisier, por ter se destacado como o melhor aluno entre os formandos do curso Técnico em Química do Centro de Educação Profissional de Vinhedo (Ceprovi), localizado na cidade de Vinhedo.

O afastamento da sala de aula foi motivado, em suas palavras, “pelo comodismo”. Na época, ele optou por constituir família e ingressar no mercado de trabalho, tendo desempenhado funções na construção civil e como operador de impressora. Casado e pai de duas filhas, Romildo trabalha atualmente na área produtiva da empresa Coim Brasil, onde desempenha a função de operador de processos, cargo que não exige necessariamente uma formação na área Química.

A busca por aprimoramento profissional e por uma melhor qualidade de vida o motivaram a retomar os estudos. “Optei por fazer o curso de Técnico em Química devido a já estar atuando em uma empresa da área, para ter mais conhecimento sobre o assunto”, disse. “Agora, com o curso concluído, me sinto preparado para novas oportunidades, buscando sempre o aperfeiçoamento profissional e, consequentemente, uma melhor qualidade de vida”, ressaltou.

Prêmio foi entregue pela coordenadora Keila Schutzer

O fato de Romildo ter uma idade superior à média dos estudantes que concluem o Ensino Técnico não o desencorajou; pelo contrário, fortaleceu sua dedicação aos estudos. Ele acredita que sua idade e as experiências vividas contribuíram para o empenho e decisões ao longo do curso.

Para ele, sua história poderá servir de inspiração não apenas para aqueles que consideram desistir de seus objetivos educacionais, mas também para suas filhas. “O fato de ter ficado tanto tempo fora da escola e mesmo assim ter concluído com êxito o curso me faz afirmar que posso servir de exemplo”, disse.

Premiação – O Prêmio Lavoisier é constituído de uma medalha e um diploma de honra ao mérito, que foram entregues a Romildo durante a cerimônia de colação de grau, realizada no Ceprovi, no dia 01/09. A entrega foi feita pela coordenadora Keila Schutzer, que também atua como representante de curso junto ao CRQ-IV/SP.

A indicação dos melhores alunos ao Prêmio Lavoisier é feita pelas próprias instituições de ensino. Clique aqui para saber mais sobre essa iniciativa.

 

 

Colação de grau dos alunos do curso Técnico em Química, do Ceprovi, aconteceu no dia 01/09
Compartilhar