Marca do CRQ para impressão
Disponível em <https://crqsp.org.br/reforcada-a-importancia-do-profissional-da-quimica-na-qualidade-do-ar/>.
Acesso em 23/05/2024 às 05h33.

Reforçada a importância do Profissional da Química na qualidade do ar

Reforçada a importância do Profissional da Química na qualidade do ar

CFQ participou de eventos promovidos pela Abrava e ASHRAE Chapter Brasil

12 de maio de 2023, às 10h18 - Tempo de leitura aproximado: 2 minutos

Especialista reuniram-se em BH para discutir qualidade de ar interno. Foto: Divulgação

 

Durante o mês de abril, a cidade de Belo Horizonte (MG) sediou dois importantes eventos sobre relevância da qualidade do ar interno e seus aspectos: o 12º Seminário Internacional de Qualidade do Ar Interno, ocorrido no dia 25, e a VIII ExpoQualindoor, no dia 26. O seminário abordou a temática da “Qualidade do ar em estabelecimentos assistenciais de saúde” e a ExpoQualindoor teve como um dos pontos altos o 2º Encontro Nacional de Fiscalização com Ênfase em Qualidade do Ar Interno.

Os eventos trataram da importância do monitoramento e da manutenção da qualidade do ar respirado em ambientes fechados que, entre outros aspectos, discutiu também formas de evitar a propagação de vetores e doenças e de melhorar a qualidade de vida das pessoas.

As programações foram promovidas pelo Departamento de Qualidade do Ar Interno (Qualindoor) da Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento (Abrava) e pelo ASHRAE Chapter Brasil. O Conselho Federal de Química (CFQ) esteve representado pelo Químico Diego Freitas, analista do CFQ.

“A presença de partículas e substâncias nocivas no ar é algo que precisa de debate imediato e, por razões como essas, a presença do Sistema CFQ/CRQs em discussões e eventos dessa natureza é de extrema importância, por fomentar o debate fazendo o que estiver ao seu alcance para a valorização e promoção da Química como vetor de desenvolvimento para o Brasil”, comentou Freitas.

Qualidade do ar

O analista do CFQ  mencionou que a contaminação química e microbiológica do ar e os surtos de doenças respiratórias tais como gripe, tuberculose, Covid-19 e legionelose (causada pela bactéria Legionella sp.) são uma realidade no mundo. Portanto, é necessário monitorar e manter adequada a qualidade do ar que se respira em ambientes fechados, tais como lares, carros, comércios, academias e locais de trabalho.

“Em um mundo onde as pessoas podem respirar mais de 12 mil litros de ar por dia e que passam em torno de 90% do tempo das suas vidas (cerca de 21 horas por dia) em ambientes fechados, é fundamental que seja de qualidade essa mistura de nitrogênio, oxigênio e tantas outras substâncias e materiais que compõem o ar interno que respiramos”, reforçou o analista do CFQ.

Nos eventos, Diego Freitas levou contribuições tanto do ponto de vista técnico na área da Química quanto do CFQ enquanto órgão de fiscalização, evidenciando a importância do Profissional da Química no setor de AVAC-R (Aquecimento, Ventilação, Ar Condicionado e Resfriamento). Segundo ele, o Profissional da Química pode atuar desde coletas e análises físico-químicas e microbiológicas de amostras de ar até a elaboração de projetos de novas tecnologias aplicadas a produtos e serviços usados no tratamento e monitoramento de ar de ambientes internos.

PNQAI

O CFQ e o CRQ-IV/SP são membros do Plano Nacional da Qualidade do Ar Interno (PNQAI), que teve início em 2020. A Autarquia trabalha para a conscientização da população sobre o tema e da importância de que se tenha profissionais qualificados e legalmente habilitados responsáveis por processos que envolvam QAI.

 

Com informações do Conselho Federal de Química

 

 

Compartilhar