Marca do CRQ para impressão
Disponível em <https://crqsp.org.br/producao-de-saneantes-cresce-114-no-quadrimestre/>.
Acesso em 21/06/2024 às 21h43.

Produção de saneantes cresce 11,4% no quadrimestre

Produção de saneantes cresce 11,4% no quadrimestre

Estabilização de custos de insumos explicam a reação do setor e queda de preços ao consumidor

11 de junho de 2024, às 10h22 - Tempo de leitura aproximado: 2 minutos

Paulo Engler, diretor da Abipla

De acordo com levantamento da Associação Brasileira das Indústrias de Produtos de Higiene, Limpeza e Saneantes de Uso Doméstico e de Uso Profissional (Abipla), com base na PIM – Pesquisa Industrial Mensal do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a fabricação de produtos de limpeza acumula alta de 11,4% na comparação com o primeiro quadrimestre de 2023. A alta é impulsionada por itens como preparações multiuso de limpeza, amaciantes e desinfetantes.

“Acredito que uma das explicações para o bom desempenho do setor em 2024 seja a estabilização dos preços de insumos para a indústria. Segundo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), neste ano, o setor acumula uma deflação de 1,36%. Se levarmos em conta os últimos 12 meses, a queda é de 2,57%. Ou seja, os produtos de limpeza estão mais baratos ao consumidor”, ressalta Paulo Engler, diretor-executivo da Abipla.

Outro fator que ajuda o desempenho é o investimento em inovação por parte das empresas do setor. Segundo relatório da CNI – Confederação Nacional da Indústria, o setor químico é responsável por, aproximadamente, 16% de todo o investimento, em inovação, da indústria brasileira.

“Esse investimento se dá, prioritariamente, em ações que otimizam o uso de recursos naturais na produção e distribuição de saneantes, e no constante fluxo de lançamentos de produtos de limpeza, seja por meio de novas fórmulas, embalagens ou linhas inéditas de produtos”, explica Engler.

O dinamismo também reverbera na economia e na sociedade. De acordo com um levantamento realizado com base no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), os fabricantes de produtos de limpeza geraram mais de 11 mil postos de trabalho no período entre janeiro de 2020 e abril de 2024, fazendo com que o setor chegasse a 92 mil empregos diretos. No período analisado, em todos os anos (mesmo durante a pandemia), o saldo de contratações foi positivo.

Homenagem – No dia 18 de junho é comemorado o Dia Nacional do Profissional da Química e a Abipla integra uma campanha organizada pelos Sistema CFQ/CRQS para valorizar quem atua na área. A campanha busca relevar a percepção pública sobre a importância da química no dia a dia, lembrando sobre sua presença em todos os lugares e setores. A campanha será veiculada durante o mês no site e redes sociais da entidade empresarial.

Compartilhar