Marca do CRQ para impressão
Disponível em <https://crqsp.org.br/conselho-adere-ao-programa-jovem-aprendiz/>.
Acesso em 21/06/2024 às 19h30.

Conselho adere ao Programa Jovem Aprendiz

Conselho adere ao Programa Jovem Aprendiz

Mauricio Cerveira, Maria Eduarda Alves e Rayssa Macedo atuarão na Gerência de Secretaria e na Gerência de Infraestrutura

5 de junho de 2024, às 11h56 - Tempo de leitura aproximado: 2 minutos

Os jovens aprendizes Mauricio Gonçalves Cerveira, Maria Eduarda dos Santos Alves (ao centro) e Rayssa Santos Macedo (à direta) vivenciarão suas primeiras experiências no mercado de trabalho

 

A partir desta quarta-feira, 5, três jovens aprendizes passarão a integrar o quadro de colaboradores do Conselho. A inciativa visa atender às novas diretrizes estabelecidas pela Portaria MTE Nº 3.872, de 21 de dezembro de 2023, segundo a qual os estabelecimentos de qualquer natureza, incluindo conselhos profissionais, que tenham pelo menos sete empregados contratados nas funções que demandam formação profissional, ficam obrigados a contratar aprendizes.

Os jovens Maria Eduarda dos Santos Alves, Rayssa Santos Macedo e Mauricio Gonçalves Cerveira atuarão na Gerência de Secretaria e na Gerência de Infraestrutura, prestando apoio em atividades administrativas, como atendimento ao público, confecção de planilhas e apresentações, separação e digitalização de documentos, localização e pesquisas, auxílio em cursos e eventos, entre outras. A jornada de trabalho será de 6 horas diárias, sendo quatro dias por semana no Conselho e um dia na Rede Nacional e Aprendizagem, Promoção Social e Integração (Renapsi), entidade que será responsável pelo processo de capacitação dos jovens.

“Através da educação e do trabalho, o programa desenvolve habilidades essenciais para o século XXI e integra os participantes ao mercado de trabalho de maneira eficaz. Nos últimos 30 anos, vimos transformações impactantes: 91% dos nossos aprendizes concluíram seus estudos e 95% estavam empregados em 2023”, disse a Consultora de Prospecção da Renapsi, Adriana Geraldes.

O processo seletivo, que incluiu dinâmica, redação e avaliação psicológica, foi organizado pela Gerência Estratégica de Pessoas do CRQ-IV/SP, a partir de currículos encaminhados pela Renapsi. Dentre os critérios para atuar como jovem aprendiz, é necessário ter entre 14 e 24 anos e não possuir experiência profissional anterior.

 

Jovens assistiram a apresentação feita pela funcionária Adriana Souza, da Gerência Estratégica de Pessoas, para entender mais sobre o Conselho e o trabalho que desempenharão

 

A integração presencial dos candidatos selecionados ocorreu nesta quarta-feira, 5. Os jovens se mostraram motivados com a oportunidade de terem uma primeira experiência no mercado de trabalho. “Eu vejo como uma oportunidade de crescimento. Nós somos os primeiros jovens aprendizes do Conselho, então é algo que ficará marcado, e vai nos ajudar futuramente, quando verem no nosso currículo que nós trabalhamos aqui”, afirmou Rayssa, 18 anos, que já concluiu o Ensino Médio e prestará vestibular para Fisioterapia.

Para Maurício Cerveira, 18 anos, o sentimento é de satisfação. “É uma oportunidade de dar o primeiro passo”, disse ele, que também concluiu o Ensino Médio e prestará vestibular para Publicidade e Propaganda. Já Maria Eduarda disse que está sendo uma boa experiência ter o primeiro emprego com apenas 16 anos. Ela é estudante do 2º ano do Ensino Médio.

“O Conselho como empregador terá um papel fundamental no desenvolvimento desses jovens aprendizes, pois contribuirá para a formação de profissionais qualificados e para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária”, afirmou a gestora da Gerência Estratégica de Pessoas do CRQ-IV/SP, Fabiana Oliveira.

Em breve, o Conselho fará a integração de mais um jovem aprendiz para atuar na Gerência de Fiscalização.

Compartilhar